2/22/2008

A voz

Mr Mark Lanegan, "A VOZ" da minha semana

Nunca é tarde pra descobrir coisas boas. Foi isso que eu pensei esses dias depois de passar a semana ouvindo uns discos do Mark Lanegan. Já tinha ouvido falar bem do trabalho solo do cara. A bichinha do André Ramiro até tinha me passado um disco deles uma vez, se não me engano, mas não tinha tido oportunidade de ouvir de verdade. E do Screaming Trees, só conhecia aquela que todo mundo conhece, mas como nunca dei muita bola pro grunge, não tinha saído disso.
Mas, como ia dizendo, essa semana fui ouvir e fiquei muito bem impressionado com o trabalho do cara. E que voz, putaqueospariu! De congelar a alma do mais incrédulo dos viventes.
Gostei em especial do Whiskey For The Holy Ghost (1994), disco solo que tem uma instrumentação bem minimalista, o que destaca ainda mais o vozeirão grave e de registro baixo dele, o tipo de vocal que me atrai. E a música que mais me pegou nesse disco foi “Kingdom of rain”. Um folk blues soturno, arrastado, arrepiante.
Outro belo disco no mesmo clima é o Scraps At Midnight (1998), que também tem várias pérolas, como “Stay”, típica balada country folk pra acampamentos, como diria o Manfredini Jr, com seu belo e singelo refrão “down like rain, come down”. “Bell black ocean” lembra um Tom Waits ligeiramente mais agridoce. A seguinte, “Last one in the world” é outro destaque, em que uma melodia simples e circular envolve uma conversa entre amigos (aparentemente, pois sou anarfa em inglês) e uma interpretação melancolicamente singela.
Os dois discos transpiram o velho dístico simplicidade e bom gosto, que me é tão caro. Nada de grandes novidades (que de velhas novidades o museu tá cheio, como diria o veio zuza), modernices estéreis, apelos fashion. Só boas canções, temperada com talento, arranjos minimalistas, interpretações precisas e pungentes, e é claro “A” voz. E que voz, putaqueospariu.

Puxando o fio da meada acabei deparando com um projeto chamado Soulsavers, que lançou em parece que o ano passado o disco “It’s Not How Far You Fall, It’s The Way You Land”, que o Marcelo Costa sabiamente definiu como “um disco para salvar almas”. Pelo Scream Yell descobri que esse disco “é o segundo álbum do projeto (...) capitaneado pela dupla britânica Ian Glover e Richard Machin”, um duo eletrônico que chamou o Mark Lanegan pra cantar. E o resultado é muito foda já na faixa de abertura “Revival”, ele solta A VOZ circundado por um coro gospel maravilhosamente monstruoso. “Spiritual” devia ter royalties para o Jason Pierce, de tanto que lembra o Spiritualized. Na letra ele canta em tom de súplica: "Jesus, don´t wanna die alone". O Gian me conta que esse na verdade é um disco de versões, várias delas do Johnny Cash, o que não é nenhuma surpresa. Tem tudo a ver as canções do grande bardo do country folk norte-americano com a voz do Lanegan. É sopa no mel. E que voz, putaqueospariu!

aproveitem as dicas da semana, E COMENTEM ESSA PORRA, CARALHO!
tchau!

23 comentários:

Leo Vinhas disse...

Salve, Ivan!

Nós estamos de volta!
http://memoafetivaatual.blogspot.com/

Abraço!

igor disse...

nao vou comentar merda nenhuma , porra!! heheh

Ivan disse...

então vai toma no cú, porra!

zé marcos disse...

bom esse trem aí, valeu

rkjazz disse...

eu tb não vou falar nada. me reservo ao direito de ficar calado. quero um advogado!!!!

Rodrigo Carneiro disse...

Esse Lanegan não brinca em serviço. Sem comentários, hehehe. Rapaz, vcs vêm para SP em março? No dia 8 tem uma bagunça envolvendo os Mickey Junkies. Abs

Ivan disse...

caralho, Carneiro. tava comentando com o Rubens isso. "bem que podia ter um show do MJ quando a gente tiver em Sampa". Perfeito. Estaremos lá! e Rubens, vamos?

Ivan disse...

Rubens. você tem o direito de ficar calado. qualquer coisa que você disser poderá ser usada contra você!

Rodrigo Carneiro disse...

Maravilha. Vai ser num lugar chamado Inferno. A gente vai se falando. Até lá. abs

giancarlo rufatto disse...

soulsavers diz tudo no nome.

esse primeiro solo está sendo devidamente baixado. tem um outro disco do lanegan que eu não lembro o nome(um minuto depois de procurar no amazon, descobri)I'll Take Care Of You que é só de covers de rocknroll anos 50 e de country tradicional.
e tem o field songs que uma vez em 1957 eu vi num sebo em ctba e é basico tambem.

rkjazz disse...

opa! tô livre, a principio, dia 08 vamos ver isso ae. excelente pedida!!! o inferno é bem em frente ao outs, na augusta. e tem uma sonzeira a casa. grande carneiro. vai ser "quente" o negócio.

Cristina L. disse...

Eu comentei um monte de coisas aqui mas deletei. Não obedeço mais suas ordens, senhor editor. Hahahaha

ramiro disse...

falei pra vc ouvir na época? sonzera!!!!
marca um oaeoz e ruído no inferno e vamos matar o capeta!!!! ahahaha
abssss

rkjazz disse...

jam session sábado, no carleras? fretless na hands...heim? heim?

rkjazz disse...

tem que ser gravando. vamos tocar dae a gente edita as paradas e lança um "ao vivo" no porão, só com os temas que rolam lá. que achas?

Ivan disse...

por mim, beleza.

rkjazz disse...

combinado então! dei um toque no flavião tb. té lá.

Thiane disse...

Não resisto: dia 9 estaremos embarcando para Amsterdã, lá de guarulhos. O trem só sai à noite, mas nosso vôo daqui chega lá demanhã. Então, vamos passar o dia, almoçar e tal, antes de voltar para Guarulhos, na casa de mi madre. Se dia 8, sábado, vcs estarão fazendo festa por sampa, podiam não se acabar muito e noutro dia ir passar umas horas com a gente lá, que tal? Ela mora no Bairro Água Fria, próximo à santana, zona Norte. vejam aí se é muito contramão...Seria massa...
Bjs.

Ivan disse...

putz. eu não tenho nem idéia, sou um néscio em localização em sampa. a gente vai ficar em osasco, na casa do mestre Linari (La Carne) e dona Julieta. mas vamos ver se a gente não se fala e dá um jeito de combinar algum lugar pra se encontrar. bjs. e que chique, hem, Amsterdâ. Ô inveja branca!

rkjazz disse...

deve ser longe (de osasco), são paulo é foda, mas pra tudo na vida se dá um jeito, né não? sábadão de pé né A jam)? senão vai sobrar porrada. abraço, brother

Ivan disse...

fechado.

Rodrigo Carneiro disse...

Xi ivan! acredita que teve uma trapalhada do rock e o show do inferno caiu? depois te conto detalhes. reza a lenda que temos datas na funhouse, 13, e CB, 28. mas aí já deve ser complicado pra vcs. de qq modo, vamos nos encontrar. ficam na casa do maninho, né. nos falemos.

Marcelo Urânia disse...

tô baixando, tô baixando! \o/