12/28/2006

Ai, ai: é piada, sim: com a nossa cara

Ah, eu não resisti. O Jornal do Estado (www.bemparaná.com.br) tá bem bom de ler hoje, dá uma vontade incontrolável de rir, rir muito, da nossa própria cara e do que vem por aí em 2007 (e, infelizmente, não vai parar no 07). A parte política está “espicizi”, como diria um amigo. Vejam só: que o cara acusado de grampear gente em todo canto no Paraná, que trabalhava na sala próxima do excelentíssimo sr governador foi solto, “por engano”, numa sexta-feira que batia na porta do Natal, às 19h30 (como essa gente trabalha, não?!”). Se não fosse da nossa cara, o riso seria melhor, mas, a estas alturas do campeonato, tô optando pelo riso largo do que o choro, até porque isso não merece minhas lágrimas, então vou gargalhar da palhaçada. Em uma entrevista sobre os possíveis secretários da cultura, alguém intimou: “pô, a “classe artística” tem que se mexer, deixar de ser oportunista e se preocupar só em como garantir um pedaço do bolo”. E, olha, não fui eu que falei, não, foi um artista, uma pessoa, engajada que sabe do que tá falando muito, mas muito mais do que eu, porque tá nas mesas de bar, nas reuniões a porta fechada, nas conversas entre amigos.... o problema é que não é só os artistas, é pra todo lado essa esculhambação. O paranaense adora falar mal do Lula, mas não olha o próprio rabo, não vê o que acontece bem alí no Centro Cívico, na capital, faz vista grossa pro descalabro, pra arrogância, pro pedantismo e pro gangsterismo, porque isso que se falou no começo é crime, não é brincadeirinha, não...
Mas, vamos rir mais um pouco. A coluna Toda Política, do JE, alerta: não é piada: policiais em guarapuava colocaram cerca elétrica pra defender as sedes da polícia e a PF contratou empresa de segurança... Ah, vai dizer que não é engraçado isso? É sim, eu dei muita risada, foi bom, comecei o dia em alto astral, pensando que eu posso ficar bem sossegada: hoje tá um dia bom, 2006 tá acabando. Pode saber, tudo vai ficar piorar... por isso a Regina Casé, no Central da Periferia de sábado passado (eu gosto dela sim, e desse programa, gosto do jeito que ela mostra outras realidades, gosto mesmo!)fez bem em desejar a todos CORAGEM, MUITA CORAGEM. Faço minhas as palavras dela, porque é do que vamos precisar para ENCARAR esse nosso futuro de frente!!!!.

Ps. André, li em Parati, um belo livro do Henry Miller, ano passado.
Big Sur e as Laranjas de Hieronymus Bosch é meio briográfico, sobre um lugar lindo,próximo de penhascos, onde ele viveu. Foi o gancho dele pra falar espetacularmente bem de pessoas incríveis. gostei. agora faltam os clássicos dele...

2 comentários:

Ivan disse...

é. só rindo mesmo, já que chorar não adianta.

ramiro disse...

ahahaha
certeza. vai fazer o que? não podemos com mais nada...que foda.
Ivan e Adri, tem uma nova colaboração indígena no overmundo. dêem uma conferida. foi nossa umbanda na ilha da magia. hehe...
feliz 2007 de novo!!!
forte abraços pra vcs!!!!
issaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!