5/05/2008

'Nossa vida não cabe num Opala' é o grande vencedor do Cine-PE 2008







O Globo Online

RIO - "Nossa vida não cabe num Opala", de Reinaldo Pinheiro, conquistou na noite de domingo o troféu Calunga de melhor longa-metragem da 12ª edição do Cine PE - Festival Audiovisual do Recife, um dos principais festivais de cinema do país e que reúne o maior público em uma mesma sessão: mais de três mil pessoas.
Realizado no Centro de Convenções de Pernambuco, o Cine PE exibiu, desde o dia 28 de abril, 58 filmes nacionais, entre curtas e longas-metragens. De produção paulista, a ficção "Nossa vida não cabe num Opala" ainda recebeu os troféus Calunga de melhor roteiro (Di Moretti), melhor atriz (Maria Luiza Mendonça), melhor direção de arte (Mônica Palazzo) e melhor trilha sonora (Maestro Amalfi e Mário Botolotto).
A Calunga de melhor roteiro para Moretti coloca ainda mais fogo na polêmica que circula nos bastidores junto ao dramaturgo Mário Botolotto. O longa-metragem é baseado na peça "Nossa vida não vale um Chevrolet", de autoria de Bortolotto. Na edição de sexta-feira de O Globo, o repórter André Miranda contou que o autor não gostou do roteiro do filme dirigido por Reinaldo Pinheiro e resolveu deixar isso bem claro num texto publicado em seu blog, cujo sugestivo nome é "Atire no dramaturgo": "O cara escreveu um roteiro sofrível a partir do meu texto (...). Eu tenho vergonha de ler o roteiro dele".
O filme "Bodas de papel" (ficção/SP), de André Sturm, além de receber o Prêmio Especial do Júri Popular, levou os troféus Calunga de melhor atriz coadjuvante (Cleide Yácones) e de melhor edição de som (Fernando Hanna e Simone Alves). Já a produção do Distrito Federal "Simples mortais" (ficção) ficou com as Calungas de melhor ator (Chico Santana) e melhor ator coadjuvante (Eduardo Moraes), que interpretam pai e filho no filme.
O troféu Calunga de melhor direção foi entregue a Rodolfo Nanni, de "O retorno" (SP). O documentário também foi premiado com a Calunga de melhor fotografia, para Roberto Santos Filho. Outro documentário da Mostra Competitiva de Longas do Cine PE 2008, "Brizola: Tempos de luta", de Tabajara Ruas, ganhou o troféu Calunga de melhor montagem (Ligia Walper). Um documentário pernambucano, "Guia Prático, Histórico e Sentimental da Cidade do Recife", de Leo Falcão, recebeu o Troféu Gilberto Freyre, prêmio destinado a produções que valorizam a identidade nacional.
O troféu de melhor curta-metragem em 35mm foi para o mineiro "Os filmes que não fiz", de Gilberto Scarpa. O filme também foi premiado com o Calunga de melhor direção de arte. Esmir Filho ganhou a Calunga de melhor direção com "Saliva" (ficção/SP), filme que também conquistou a Calunga de melhor montagem (Caroline Leone). Outro curta em 35mm premiado com dois troféus Calunga foi "Dossiê Rê Bordosa" (animação/SP), de César Cabral: melhor roteiro (Leandro Maciel e César Cabral) e melhor trilha sonora (Cláudio Augusto Ferreira).
Ainda na categoria de curtas-metragens em 35mm, o prêmio de melhor fotografia foi para Lula Carvalho, em "Trópico de Cabras", de Fernando Coimbra. Já os prêmios de melhor ator e de melhor atriz foram conquistados por Jonathan Haagesen, que protagoniza o filme "Comprometendo a atuação" (ficção/MT), e Helena Albergaria, que atua em "Um Ramo" (ficção/SP). A Calunga de melhor edição de som foi recebida por Aurélio Dias e Leonardo Sette, do filme "Ocidente" (documentário/PE).
Dois curtas-metragens digitais paraibanos se destacaram no Cine-PE 2008: "Amanda e Monick", de André da Costa Pinto, que recebeu o troféu Calunga de melhor filme, e "O Guardador", de Diego Benevides, que ganhou o Prêmio Especial do Júri Oficial, o Prêmio Especial da Crítica e o Prêmio Aquisição do Canal Brasil. O gaúcho "Porcos não olham para o céu" levou os troféus Calunga de melhor direção (Daniel Marvel) e de melhor roteiro (Everson Klein). A Calunga de melhor montagem foi para Érico Rassi, de "Um pra um" (SP). Já o Prêmio Especial do Júri Popular foi dado ao vídeo pernambucano "Até onde a vista alcança", de Felipe Peres Calheiros.
Na Mostra Pernambuco, pela primeira vez realizada no Cine PE, o vencedor do troféu Calunga de melhor filme foi "Amigos de Risco" (ficção), de Daniel Bandeira. Após as premiações, o público presente ao cine-teatro Guararapes pôde assistir ao filme "Chega de saudade", de Laís Bodanzky. Outra novidade do festival este ano foi a Mostra Paralela de Porto de Galinhas, onde foram exibidos os filmes "Saneamento Básico", de Jorge Furtado; "O Ano Em Que Meus Pais Saíram de Férias", de Cao Hamburger; "Tapete Vermelho", de Luiz Alberto Pereira; e "O Mundo Em Duas Voltas", de David Schürmann. Dirigido por Alfredo Bertini e Sandra Bertini, o Cine PE 2008 homenageou o produtor e fotógrafo Luis Carlos Barreto, o ator Nelson Xavier e a atriz Lucélia Santos.


NR: Pra quem não sabe ou não se lembra, a trilha do "Nossa vida não cabe num Opala", feita pelo Marião e o maestro Amalfi, inclui músicas do OAEOZ, Íris, La Carne, Patife Band, Cascadura, Bêbados Habilidosos, entre outras pérolas do cancioneiro nacional. A gente fica muito feliz pelo Mário, pelo filme, e por termos a honra de fazermos parte dessa história.

6 comentários:

adri disse...

parabéns parabéns pra vcs!!!! música boa é sempre bem vinda, faz bem pra alma.. OAEOZ, iris, rubens, la carne, patife band... só o fino...

Carlos Remontti disse...

Pô, Ivan, a gente é que fica super orgulhoso de estar numa dessas com voces cara. Hoje, aqui em Ós, ninguém vai dormir!! Tâmo sempre junto compañero!

rkjazz disse...

parabéns pro Mário e os comparasas. só pra constar, acho que o Iris que entrou é só com o Igor, e não o Bziri. mas o que interessa é que os brothers tão mandando bem pra caraio!!!!

Leo Vinhas disse...

Ê, beleza! E ver o filme, nada ainda! Mas nossa hora chega!

IVan: chegou o pacote, meu caro! Coisa mais linda! Rolando aqui no player, com agradecimentos enternecidos que serão feitos pessoalmente em breve. Espera aí que tem nova temporada curitibana!

Muito obrigado, meu amigo!

Ivan disse...

opa Leo. que massa. então, próximo feriado, dia 24, tem festa de aniversário do Carlão lá na casa dele, com a gente tocando ao vivo. Você bem que poderia vir. abs

Anônimo disse...

Adorei seu post!

Pessoal, essa eu tenho que recomendar, dois sites interessantíssimos: www.meus3desejos.com.br e www.videoflix.com.br.

Abs.